Glee 4×16 – Feud [REVIEW]

Mais uma semana de Glee, dessa vez o episódio prometia muita confusão, pois as ”rixas” iriam vir à tona. Todos estamos cansados das mesmas reviews de sempre, por isso, essa semana vou fazer diferente, aproveitando a temática do episódio, se preparem pois agora, começa mais um…

BLAINE vs. SUE

Sim, Sue não se esqueceu que Blaine tinha entrado pras Cheerios e aproveitou isso, já que as Regionais estão chegando, para convocá-lo. Mas o queima rosca  rapaz não quer mais essa vida de se jogado pro ar (pera, não tenho certeza disso). Enfim, ele não quis entrar e por ter desobedecido, Sue mandou um gel de cimento de presente. Ótimo, já podem mandar a estátua do Blaine aqui pra casa. Para resolverem sua rixa, resolveram fazer o que? Cantar!

I Still Believe / Super Bass

Que porra foi essa que a Sue fez? Não me importo! Só sei que ri muito. Acho que ela venceu fácil essa, a maioria do Glee Club também concordou.

Como perdeu, Blaine teve de entrar para as Cheerios. Mas ninguém imaginava que isso fazia parte do seu plano (e do Sam) para acabar com a vida da treinadora Sylvester.

RYDER vs. UNIQUE

Unique, também conhecida como Jamelão podre, foi ter uma conversinha com Ryder, por ele ter beijado Marley. O rapaz não reagiu bem e o a chamou aquela coisa de ”cara” e não agradou, pois Unique quer ser tratada como mulher. Só para variar, isso acabou como? Em canto!

The Bitch Is Back / Dress You Up

Quatro episódios seguidos e três músicas de Madonna. Alô produção, vamos variar ai né. Achei bem mais ou menos, só eu que lembrei bastante do Finn tocando bateria nas temporadas antigas? Pra mim a Unique levou essa!!!

Além de ter essa dinâmica com a traveco, Ryder desistiu de Marley, que voltou com Jake. Jarley, espera, vou vomitar! Enfim, o guri arranjou outra moça e os dois começaram a conversar pela internet, tava achando bem chato isso tudo, até chegar no final. Putz! Muito tenso, Ryan fofinho, essa série é G-L-E-E e não American Horror Story. Espero que essa história renda bastante nos próximos episódios.

FINN vs. MR. SHUE

Como a gente já tinha visto, Finn passou o rodo e pegou Emaa. Depois, contou pra Will e, lógico, ele não gostou nada. O pior, é que essa rixa está interferindo no Glee Club, por isso, resolveram fazer o que? Cantar, de novo!

Bye Bye Bye / I Want It That Way

Sem dúvidas, essa foi a rixa mais criativa, BSB vs. N’Sync’s, tipo, épico! Mas a performance deixou muito a desejar, seja pelos flashes toscos de uma briga entre os dois ou pelos passos de dança ridículos da Orca. Não sei, apenas não foi dessa vez. Mas Shue ainda foi menos pior.

Pois é, mas Will não perdoo Finn e ele foi embora, antes, teve uma conversa com Marley, gente, to começando a gostar dela, espera, preciso cortar isso.

VOLTANDO A MESMICE

– NY, como sempre, foi dominado por Santanão, roubando a cena duas semanas seguidas, chupa essa Berry!

– Por falar na santa, que absurdo foi aquela notícia de que não estava grávida. Isso me irrita, pois é típico de Glee, faz a maior confusão e no fim não dá nada. Foi ridículo e um grande furo de roteiro, pois tinha muito o que se explorar. Não vou engolir isso titia mal comida!

– Depois de ir pra NYADA e seduzir Magic Brodyc, Santie chegou em casa e foi expulsa por Rachel e Kurt, também chamados de gêmeas Olsen. Fiquei bem triste, pois sabemos que ela tá certa e até admitiu que os ama como família. E porra Rachel, ela te ajudou com a gravidez, que falta de consideração!

– Os novos membros do New Directions (que redundância), resolvem se unir, pois precisam parecer uma família, já ano que vem, vamos ter que olhar bastante pra essas caras de cu.

MOMENTO BABADO!!!

”Brody vai pro motel, pra ter mais um dia de gigolô, sim, ele é gigolô. Abre a porta, acende a luz e dá de cara com quem? A globeleza de NY, Santanão Lopez. Mas não era só ela que estava lá, na verdade, o acerto de contas era com com… Finnorca. E ele não deixou barato, bateu no gostosão com gosto e ainda soltou a frase no ano…

Fique longe da minha futura esposa!

Outras performances

How To Be A Heartbreaker

Foi bem louca, mas gostei, principalmente, da música, bom dueto, o penúltimo do Brody. Haha

Cold Hearted

Melhor performance do episódio!!! Sexy, bem executada e provocativa, ou seja, a cara da Santana.

Closer

Eu to gostando bastante dessas performances do final de cada episódio. Lembra um pouco (bem pouco) a primeira temporada, só que de uma forma mais descontraída.

Bom, não foi dos melhores episódios, foi bem médio, na minha opinião, principalmente, por causa das performances. Já que as músicas prometiam bastante. Houve umas falhas no roteiro, como no caso da gravidez, espero que não se repita, pois é extremamente decepcionante. Vamos esperar o que titia nos reserva nesse começo do fim de temporada, espero que mantenha o ritmo dos antigos episódios.

Assistir episodio online: http://tsb-suporte.blogspot.com.br/

Próximo episódio 4×17 – Guilty Pleasures

Até a próxima semana!

Anúncios

Uma resposta para “Glee 4×16 – Feud [REVIEW]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s